NOTÍCIAS ALINE WIRLEY

Igor Ricki e Aline Wirley celebram vitória do filho: “Aprendeu a nadar, morria de medo”

Casal explica que Antônio, de 7 anos tinha trauma, conta como desde que ele era pequeno leva o menino em viagens e dá dicas para outros pais que querem cair na estrada com crianças: “Ajustar interesses”

Igor Rickli e Aline Wirley sempre gostaram de viajar, por prazer e devido às demandas da profissão. Quando o filho do casal, Antônio, hoje com 7 anos, nasceu, logo ele passou a acompanhar os dois, sempre que possível. A cada nova trip, o casal celebra mais um marco com o menino e, em passagem pelo Beach Park, em Fortaleza, no Ceará, não foi diferente: Caramelo, como o pequeno é carinhosamente chamado pelos pais e pelos fãs da família, aprendeu a nadar. “Foi uma super vitória pra ele. Morria de medo, foi um processo lento de muita confiança. Todos os amiguinhos nadavam e ele não. Ficou frustrado e era triste ver ele se limitando de brincar por medo. Quase choramos de alegria quando ele começou a nadar e mergulhar”, conta Aline em bate-papo exclusivo.


“Antônio caiu na piscina quando ainda não sabia nadar e ficou traumatizado. Depois disso fazer ele se sentir seguro na água levou tempo. Além disso, [na época] foi assustador ver ele na piscina completamente vulnerável”, diz Igor, feliz ao ver o filho aproveitar melhor as brincadeiras na piscina depois de uma aula de segurança aquática.

A experiência, o casal espera, é mais uma que vai ficar nas memórias que eles estão construindo nos passeios com o menino. “Viajar faz parte da nossa rotina, e sempre que dá fazemos questão de levá-lo junto. Para nós é importante ter ele com a gente”, conta Aline, explicando que todos se adaptam às demandas da família como um todo. “Acreditamos muito que por ele estar inserido nessa rotina desde sempre, ele já tenha mais jogo de cintura e nós também. Mas ainda assim temos que lidar com as demandas que uma viagem tem, por mais que seja a lazer”, diz.



Para isso, o casal ensina: é preciso conciliar os interesses e as expectativas. “Como pais sempre estamos pensando no bem estar dele, no entanto existe a necessidade de ajuste de interesses e um acordo para evitar as possíveis frustrações e ambas as partes, pais e crianças”, afirma Igor. “Com a idade que o Antônio tem hoje, fica mais fácil dialogar com ele. Quando pensamos ou precisamos viajar, compartilhamos com ele todo o roteiro e também responsabilidades. Incluímos ele em toda a preparação e organização”, diz o ator.

Para pais que também querem levar os filhos em viagens, Aline e Igor lembram que é importante estar aberto ao inesperado. “Entender que uma viagem é sempre um lugar de imprevisibilidades, já ajuda bastante a lidar com as situações que vão se apresentando”, adianta a cantora.

“A gente sempre atende vários pedidos do Antônio e tenta ao máximo deixar ele consciente das responsabilidades, cuidados com ele mesmo e com outros, educação… Mas ainda assim compreendemos que ele é uma criança, e nem sempre ele vai lidar com as situações da maneira que desejamos. Neste momento é preciso ter jogo de cintura e relembrar o propósito de uma viagem em família, e o prazer de estarmos juntos”, aponta ela.



Eles garantem que dá sim para ter momentos a dois, mesmo viajando com criança pequena. Mas, reforçam, é preciso também se preparar. “É importantíssimo encontrar lugares que ofereçam lazer para os pais e para as crianças; tendo recreação infantil e mantendo a leveza quase sempre todo mundo fica feliz e dá tempo de tudo”, diz Aline. “Antônio é descolado por natureza. Ele faz amizades com adultos, troca ideia, adora quando tem atividades e recreações. Todo nosso roteiro sempre é pensando para que ele também tenha seus momentos individuais”, conta.

Na hora de escolher um destino, o casal também prioriza o filho. Antônio já tinha comemorado 5 anos no Beach Park e sempre pedia para voltar. “Ele ficou apaixonado e queria levar todos os amigos dele. Existe uma memória afetiva, e pela estrutura nós conseguimos conciliar momentos em família e momentos em que o Antônio fica na recreação e nós podemos curtir”, diz Igor, que está curtindo férias com Aline antes da volta ao batente. “Temos alguns projetos encaminhados, na música, como apresentadores e no streaming. A gente ama muito nosso ofício como comunicadores e adora essa troca com o público”, completa o ator.


Fonte : https://revistaquem.globo.com/Entrevista/noticia/2022/06/igor-ricki-e-aline-wirley-celebram-vitoria-do-filho-aprendeu-nadar-morria-de-medo.html